LIVRAI-NOS DO MAL

  • 1

LIVRAI-NOS DO MAL

Category : Posts

Há alguns anos atrás eu tive uma iniciação em um processo “Shamânico” de cura e proteção. Foi uma experiência muito gratificante e inovadora. A experiência desse processo serviria mais tarde, para os propósitos que o Universo se encarrega de colocar em nossas vidas. Em meio a muitos shows, correrias com produção e a vida cotidiana, eu conseguia tirar um tempo para os afazeres místicos e espirituais. De certa forma, a nomenclatura se modificava, mas a fonte curativa e os Mentores que nos dava a permissão para manipular a energia, eram os mesmos!

Houveram incríveis relatos de cura, até mesmo do grande mal que assola a maioria das pessoas. Por se tratar de um processo interno, os Mestres que se conectavam na ocasião, e ainda se conectam com os novos métodos, sabiam que era preciso um despertar da consciência para obter o resultado desejado. O que falta muitas vezes não é a crença na cura, mas sim o desapego total pela doença, como se ela realmente ela não tivesse espaço para existir dentro de nós.

Antes dessas curas tomarem uma proporção mensurável nesses tratamentos, houve um acontecimento que eu considero extraordinário. Não apenas pelo que houve na época em questão, mas pelos acontecimentos posteriores, que foram e ainda são esclarecedores e incríveis reveladores de tamanha energia, concentrada através da Radiônica.

Eu estava em casa terminando um arranjo musical, quando meu telefone tocou e era um amigo desesperado, dizendo que não sabia mais o que fazer com sua esposa e que já chamara um Padre para realizar um tipo de “Exorcismo”, mas que não havia surtido o efeito neste caso, especificamente. O sacerdote precisava da autorização da Diocese para a realização do Ritual que é realizado a milênios.

Esse amigo era extremamente fanático por sua religião e a nossa concordância com alguns tópicos colocados por ele como sendo “imutáveis”, era bem pequena. Por isso fiquei espantado, e cheguei a questionar o porquê da ligação para mim! Um de seus argumentos fora o de que ele não poderia esperar a conclusão da decisão do clero e que poderia não haver mais tempo para sua amada!

Eu não tinha e não tenho nenhum estereótipo ou pretensão de ser um “homem Santo”. Eu bebo minha cerveja (hoje com certeza bem menos que antes), curto um churrasco, estou diminuindo o cigarro (Confesso que não fiz nenhum tratamento Radiônico para tal 😉 e se eu fico muito tempo parado no trânsito eu ficou louco! Rsrs

Mas eu senti, naquele momento, um ímpeto e uma força sem igual, que tomou conta de minha alma e me fez ter a coragem para dizer “Estou indo para aí”. Arrumei meus utensílios e parti. No caminho sentia que havia alguém colocando informações em minha mente, do tipo “haja o que houver, não sinta medo”, “Estamos com você e não vamos deixar que nada lhe aconteça”. Quando cheguei na casa, O filho e a namorada dele abriram as portas para mim. Eu senti um frio estranho, já que na ocasião fazia 29 graus. Eles estavam pálidos e com o semblante amedrontado. Perguntei onde estavam, meu amigo e sua esposa, e eles informaram que eles estavam no quarto de casal.

Na casa em si, senti que haviam seres com a vibração extremamente baixa e que deixavam o local em uma espécie de “penumbra”. O casal me contou sobre os vários eventos estranhos que estavam ocorrendo na casa. Era um local grande e bonito, mas as pessoas que moravam lá, não queriam mais estar ali. Me contaram que antes da mulher do meu amigo ser tomada pela força sinistra, ela havia tido desmaios e convulsões. Os exames médicos não apontavam nenhum tipo de distúrbio neurológico.

Quando entrei no quarto, pude sentir o cheiro de enxofre e vi meu amigo sentado próximo a cama, e sua esposa que era relativamente “magra e pequena”, amarrada pelos braços e pelas pernas nas extremidades da cama. Quando ela me viu, olhou diretamente em meus olhos e começou a rir, de forma sarcástica. Ela estava completamente desfigurada! Estava com a pele amarelada, quase em um tom verde. A voz estava modificada em frequências estranhas e ela começou a dizer coisas do tipo “Você aqui? Mas você não é Padre? ” – Ao mesmo tempo em que gemia e se contorcia. Ela começou a atacar-me de forma certeira, como se fosse uma vidente, tentando me intimidar de todas as formas. Com certeza não era ela!

Eu nada respondi e isso deixou aquele ser bem irritado! Eu estava conseguindo o que eu queria! A melhor situação nestes casos é não dar atenção ao que se é dito! Eu iniciei o processo do Ritual de desobsessão, e foi então que ela conseguiu arrancar um dos braços amarrados e consigo, um dos balaústres da cama. Eu pedi para o marido e o filho a segurar e amarra-la outra vez! Ela gritava, xingava e se debatia, fazendo a cama balançar junto! Uma cena bem estranha.

Depois de um bom tempo de rezas e trocas de elogios nefastos entre ela e provavelmente o ser que estava possuindo-a, houve uma calma como se houvesse uma desistência da bizarra energia que estava comandando toda aquela ação. Sem mais delongas, eu perguntei, em tom de autoridade máxima, “Me diga seu nome! ” Ele relutou por algumas vezes, mas enfim acabou dizendo. O espanto tomou conta de todos, por se tratar de um “Anjo caído”. Evidente que o próprio não estava incorporado nela, e sim um enviado necrófilo e de tal modo “medroso”, ao ponto de ter revelado o nome de quem o comandava! O sistema para a retirada “daquilo” se tornou mais preciso, e enfim continuei.

Logo depois de dizer o nome e a continuidade do “Exorcismo”, ele olhou fixamente em meus olhos, fez uma pequena pausa e com uma mudança na frequência vocal, deixando a voz da mulher mais sussurrante, antes de deixar o corpo da mulher, disse “Um dia vamos nos encontrar novamente! ” Eu deveria estar com muito medo, mas naquele instante eu sentia como se eu fosse ser amparado de alguma forma e respondi, “Eu vou estar te esperando…”

A mulher voltou ao normal, fizemos as devidas orações e a família ficou feliz e tudo acabou bem Graças a Deus e aos Espíritos amparadores! A casa ficou mais “clara” e os odores repulsivos desapareceram por completo! Eu estava realmente aliviado e emocionado com o que acabara de acontecer! Logo após esse episódio, eu tive alguns casos mais simples de desobsessão, que com certeza não dispuseram de tanta energia para a solução do problema.

Mais ou menos 15 anos depois, eu realmente “dei de cara” com esse indivíduo novamente. Na maioria das vezes, ele vem cobrar pactos feitos nesta, ou em outras vidas. Ataca a família inteira, mas a possessão só se dá de fato, naquela pessoa que tenha a “Mediunidade aflorada”. Algumas pessoas me perguntam, “Mas somos tão religiosos! Mesmo assim sofremos esses ataques? ” Com certeza o problema não é a religiosidade e sim o “Fanatismo”.

Seres como esse, gozam de muita sabedoria ancestral e sabem de forma contundente que o fanatismo gerou muito genocídio e guerras fratricidas, ao longo da história da humanidade. Para eles isso é um prato cheio de sangue! A verdadeira religiosidade não é corrompida pelo preconceito que o fanatismo gera na maioria das religiões. Um ser religioso, livre de pragmatismos e de conceitos adquiridos ao longo de toda a jornada espiritual da Terra, tem mais chance de se ver livre desses ataques periódicos.

Outras dizem, “Mas como eu poderia sofrer tal ataque, se nem médium eu sou? ”. Alguns dos maiores erros do ser humano são o de achar que são pequenos o bastante quando se fala em Amor, caridade e Sensibilidade, perto da imensidão criada pelo Espírito da Criação! O de achar que o Diabo não existe e o pior, que ele é um ser “feioso” e que só quer acabar com nossas vidas, sem propósito algum!

Anjos Caídos, como é o caso desse ser, não coloca a mão na massa! Ele comanda os piores seres das esferas inferiores, e os envia para realizarem o serviço sujo. Em específico, esse ser é o que comanda a inspiração dos maiores arsenais bélicos da face da Terra, intuindo homens a matarem uns aos outros, inspirando a criação de armas e artefatos explosivos. É o que mais recebe propostas de “pactos” durante séculos e séculos, causando maldições em famílias durante gerações.

O que ele não esperava é que para manter o equilíbrio gerado pelo poder da Criação, alguns seres das esferas superiores estão contatando alguns grupos de pessoas no intuito de auxiliar no combate a esse desequilíbrio, gerado por seres das esferas angelicais que não cumprem os desígnios dos comandos do Criador. Muitas pessoas ao redor do mundo, fazem esse tipo de trabalho!

No caso dessa família em questão, Arcanjo Miguel, Gabriel, Samael, Zadquiel, Raphael, Cassiel, Anael e Metatron, Seres Extra físicos de várias Confederações intergalácticas, sob o comando direto do Mestre Jesus, foram os responsáveis diretos pela carceragem dessa energia que estava os assolando, através do trabalho Radiônico, pela Mesa Psicotrônica. Eu fui mais uma vez, o instrumento para tal feito. Gratidão por isso!

Depois de feita a limpeza em diversos graus, houveram alguns ataques literalmente físicos em pessoas próximas, ligadas as pessoas tratadas em questão. Ataques esses, dos seres que ficaram sem seu “Mestre” para saber qual direção tomar. Foi então que os Mestres da LUZ realizaram a retirada e o encaminhamento desses seres para os lugares de recuperação e aprendizado. O efeito da energia provinda das esferas superiores não nos abandona de forma alguma, e todas essas pessoas foram “Blindadas” para qualquer ataque futuro. Com relação a mim? Eu estou feliz e agradecido por ter sido mais uma vez, o canal para realizar tal feito e estou solícito, caso as Energias do Astral superior precisar!

 

 

NAMASTÊ!


About Author

Terapeuta Nassyn

LUCIANO NASSYN
Terapeuta Psicotrônico Vibracional, Radiestesista, Tarólogo e Reikiano.
http://terapiasvibracionais.amigoestelar.com/
CRT: 49341 – Tel: (11) 96907-1510 WhatsApp

1 Comment

Maira Macri

February 20, 2017 at 3:33 pm

Incrível, Lu! Eu sou umbandista e sei bem desses seres caídos. Que sua luz continue a vibrar e queimar as energias baixas por onde vc passar.
Namastê /\

Leave a Reply

Recent Comments

Categories